(em Encadeamentos)


das pessoas que observo

na rua,

as que mais preservo

estão nuas,

a espera de acolhimento,

vivendo ao relento,

em completo isolamento

social.


prezo

estas pessoas

invisíveis,

ainda assim sensíveis

ao desprezo,

são donas de histórias,

não são nódoas

nem escórias.


enquanto o tecido

social

for cindido

pelos donos do capital,

esse povo

seguirá esquecido

e, de novo,

terá prevalecido

contra eles,

a pena capital.


#GiovaniMiguez

#sigaapoesia


;-)




desde que as torres

caíram,

por causa dos aviões

que colidiram

contra elas

e explodiram,

o mundo tornou-se

outro.


outros monstros

surgiram,

outros heróis

emergiram,

outros crimes foram

cometidos

nesse outro mundo

que desde os idos

da civilização

só faz

destruição.


desde que as torres

se foram,

tantos outros humanos

se foram

em tantos outros

atentados desumanos,

naturais ou culturais,

deixando seus rastros

fatais.


#GiovaniMiguez

#11desetembro

#sigaapoesia

:-(




lendo Louise Glück


estamos na escuridão

desde que aquele clarão

deu início a tudo

ao todo.


nunca deixamos de ser

animais sem visão,

apesar da linguagem

ser apenas mera

condição.


a chuva nunca cessou,

apenas nós que ousamos

sair daquele nosso recanto

interior.


a solidão

nunca passou

daquela sensação

que nos restou.


_

#GiovaniMiguez

#sigaapoesia



Louise Glück - Prêmio Nobel de Literatura 2020