Alberto Pucheu, poema inédito

SEM RESTOS


A teoria, ele disse, era esta: arrasar

tudo; mas ele não disse

que, hoje, por aqui,

na mesma língua

que a sua, com outro sotaque

que o seu, com outros usos,

ao sul do outro lado

do Atlântico, a prática

é ainda muito pior,

porque parece, como se isso

fosse possível, anteceder a teoria,

como ele disse, de arrasar tudo,

ou, ao menos, colocá-la literalmente

(desculpando-me a redundância)

em prática. Quando penso

nas minhas questões,

penso não haver a possibilidade

de teoria e prática serem

a mesma coisa, havendo,

a um só tempo, atravessamentos

e linhas de distinções

entre elas. No Brasil

de hoje, entretanto, quem pensa,

levando o pensamento

a uma prática nacional

ou praticando um pensamento

a partir de uma prática

nacional que o antecede,

pensa em uma identidade

sem restos

entre teoria e prática. Para o bem

e para o mal, a necessidade,

em algum grau, de uma identidade

entre teoria e prática

talvez seja uma das características

da política, mas o pensamento

dessa identidade

sem restos

é, certamente, o que há

de pior, o que arrasa

tudo e tanto quanto

ainda mais conseguir,

o que nos devasta

trabalhando

para nos deixar –

por mais descabido

e, consequentemente,

por mais doloroso

que isso possa ser –

igualmente sem restos.


...


Alberto Pucheu é poeta e ensaísta brasileiro, Professor de Teoria Literária do Departamento e do Programa de Pós-Graduação de Ciência da Literatura da Faculdade de Letras da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Autor, entre outros, de Vidas Rasteiras, pela Editora Culta, 2020. Instagram: albertopucheu


...


Foto: Divulgação

...


[ Regras ]


Os interessados deverão enviar os poemas para giovanimiguez@gmail.com seguindo as seguintes orientações:

1. enviar, em arquivo word com até três poemas, um conto ou uma crônica de no máximo uma pagina cada, fonte Arial 12, paragrafo 1,5.

2. no final dos uma biografia de até 5 linhas, informando o seu perfil no Instagram.

3. anexar ao e-mail uma foto sua na horizontal.

4. deve constar no assunto do e-mail informações no seguinte formato: "Umanisté blog - Submissão de texto autoral - Nome".

5. Você poderá enviar até dois textos em cada gênero, desde que estejam cada texto em arquivos separados.


Espero seu texto!

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo