Escolhas

Atualizado: Fev 20

todos temos alguma prisão.

seja por busca de consolação

ou capricho do coração.

é impossível plena liberdade

em um mundo com tanta inverdade,

um mundo em constante tensão,

onde tudo é muita sensação

e com pouca sensibilidade.


se o coração é prisão,

não é amor, é paixão.


acredite,

olhe para si mesmo

e não será difícil perceber

todos somos livres para sentir,

mas responsáveis por resistir

ou, quem sabe, insistir.

é só questão de saber

que não se age a mesmo

e decidir.


se o coração é prisão,

não é amor, é paixão.


(06.02.2020)




3 visualizações