o amor não vai embora

para a senhora de luto


no café, uma senhora me pediu

para escrever um poema sobre seu marido

que partiu.


eu, olhando seu rosto, apesar de velho

passava um ar tão primaveril que o vi nela

como um espelho.


senhora, por favor, não chora

ele está contigo, em cada lágrima, pois

o amor não vai embora.


não conseguir fazer o poema

pois a poesia era aquela doce senhora

com seu cheiro de alfazema.


(por Giovani Miguez, em Mínima Poética)


Foto ilustrativa

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Duelo