Sonho, um poema


para Lilian Moreira


O sonho

é o poema

que é lembrado

no amanhecer

da poesia.


O poeta,

o sonhador

que, no abraço

da noite,

destila dor

e amor.


Memórias

da noite escura,

belas histórias

acontecem.


Eis o sonhar,

esse caminhar

por acomodações

das recordações

do dia.


Poesia,

esse relato

cheio de simbologia,

de melancolia

e até alegria!


O dia

passado,

no entardecer

faz poesia

ao adormecer.


Se o dia

foi fardo pesado,

sem magia,

à noite, a poesia

corrige todo episódio

com seu doce

afago.


Sonho,

um poema

que acontece

quando um tema

na noite escura

encontra o sono

que aquece

e as feridas

do dia cura.




17 visualizações