uma vela acesa

ouvindo Villa-Lobos


na vela acesa

deposito os medos

que queimam

tanto quanto teimam

por serem

não mais que arremedos

de uma existência

postos à mesa

onde as certezas

que tenho

não passam de defesas

conta as sombras

que detenho

meras manobras

onde os escombros

são ocultados

como aval

contra o vendaval

de agonia

que movimenta

a poesia

que arrebenta

na minha alma vazia

cheia de medo

sozinha.


por Giovani Miguez, em Sustenidos




6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Despedida