Wanderley Braga, poemas

Poesia messalina


A poesia é tão devassa

Não se presta ao recato

Toma nossa intimidade

Faz -nos de gato e sapato


Como um cão condicionado

Alegramos quando chega

A hora da leitura

É colo que aconchega


E se o verso vai no íntimo

Como água em turbilhão

Ficamos extasiados

Com tamanha inundação


O poeta, então, assume

Que é um grande cafetão

Vive do trabalho alheio

Da palavra sedução


Por fim, leitor e poeta

Se fundem em breve momento

E enquanto houver poesia

Não tem fim o casamento.


( 08/06/2018 )


Abdução


Ele se via nos meus olhos a contemplá-lo. Ficamos nós dois ali, longo tempo, em questão de minutos. Tudo tão gigante e tão simples, que o breve momento é terno devaneio. Viagem sem leme e sem Norte. Eu e o Mar. O Mar e eu.


Falava- me dos heróis que cruzaram suas águas em busca do novo, do desconhecido. Das venturas e desventuras de tantos pescadores. De amores entre sereias e homens, envolvidos pelo doce canto das encantadas. E eu lhe revelava a essência de meu ser, sem qualquer palavra proferir.


Um diálogo contínuo ao sabor das ondas, num mesmo ritmo de calmaria. A alma solta e, ao mesmo tempo, presa nesse momento ondulante de emoção ímpar. Um balanço que adormece as crianças e desperta os grandes e atribulados homens da terra. Um ir e vir constituído de sentimento e lembranças que a viagem da vida registrou na memória.


Assim ficamos nós dois e ninguém mais. Nenhum som além do silêncio que nos abduziu deste mundo tão real, tão previsível e tão aquém do mar.


(Ensaio pára mar)


...


Wanderley Braga, nascido em São Pedro do Ivaí, PR, é professor de Língua Portuguesa e um aventureiro na arte de escrever. Autor do livro IN-VISÍVEL: a poesia que se vê com o coração, pela INSIGHT (Curitiba, 2018)


Foto: Divulgação

...


[ Regras ]

Os interessados deverão enviar os poemas para giovanimiguez@gmail.com seguindo as seguintes orientações:


1. enviar, em arquivo word com até três poemas poema, um conto ou uma crônica de no máximo uma pagina cada, fonte Arial 12, paragrafo 1,5.


2. no final dos uma biografia de até 5 linhas, informando o seu perfil no Instagram.


3. anexar ao e-mail uma foto sua na horizontal.

4. deve constar no assunto do e-mail informações no seguinte formato: "Umanisté blog - Submissão de texto autoral - Nome".


5. Você poderá enviar até dois textos em cada gênero, desde que estejam cada texto em arquivos separados.


Espero seu texto!

4 visualizações0 comentário